sexta-feira, 3 de julho de 2009

Compartilhando... sua vida...

Esse post não tem nada de técnico, trecho de código ou algum tutorial. É apenas uma curta análise e a minha opinião pessoal sobre o crescimento incrível dos serviços de Web 2.0 com cunho "social".

É incrível como hoje em dia tudo tem que ser compartilhado: As fotos da últimas festa, a lista das músicas que você ouve durante o dia (e as próprias músicas), o que você está fazendo num determinado momento, onde você está, qual foi o percurso que você fez no treino de corrida da manhã e até informar as pessoas o que você esta comendo.
E o mais engraçado é que algumas pessoas "acusam" o Google de ler seus e-mails (por causa do GMail), saber quem são seus amigos (Orkut), saber em quais sites você navega (Chrome) e mais uma série de informações que ele recolhe através de seus serviços, mas não reclamam de expor sua vida completa através de diversas ferramentas na Internet.

Isso sem falar da sensação do momento: Twitter!
Hoje em dia celebridades e anônimos passam o dia emitindo opiniões, trocando noticias, links e até fotos. Na minha opinião o maior exemplo de que o Twitter virou a principal media foi a morte do Michael Jackson. Eu (pelo menos) fique sabendo pelo Twitter antes de ler em qualquer site de noticias "convencional".
Outra coisa que fascina no Twitter é como ele é capaz de aproximar pessoas. Você se acha mais amigo de fulano simplesmente porque sabe que naquele momento ele está em uma reunião X discutindo o assunto Y e tem uma certa opinião.

E por fim, mas não menos importante, o melhor é ter tudo isso na palma da sua mão. Se foi o tempo em que tínhamos que ter um trambolho (computador) ligado fisicamente a um cabo pra ter acesso a tudo isso!
Basta colocar seu celular pra fazer algo a mais do que receber chamadas e dar toques a cobrar nos seus amigos. Com alguns programinhas instalados no seu celular você pode:

  • Acessar MSN, GoogleTalk ou qualquer outro programa de MI.
  • Checar seu e-mail.
  • Atualizar no mapa a sua localização atual através do Google Latitude.
  • Postar no twitter que acabou de entrar no ônibus e que está atrasado.
  • Tirar uma foto de um amigo que não via a muito tempo e imediatamente postar no Twitter e subir também para o seu álbum no Facebook ou MySpace.
  • Ouvir sua música preferida e atualizar no Last.FM que você acabou de ouvir.
Enfim, hoje não há invasão de privacidade, mas sim um compartilhamento tão grande de informações que a estamos perdendo a noção do que é privado ou público. Só espero que isso não gere uma paranóia e tudo isso comece a retrair.

Bom, é isso... depois volto com os códigos Java e outras coisas mais.

Abraços
Neto

4 comentários:

Gobr disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Gobr disse...

Mas realmente esse lance de conhecer melhor é real, antigamente as amizades eram feitas apenas na mesa de bar, hoje em dia o pessoal já faz amizade pelos gostos e tal, bem interessante isso. :D

E volte com mais posts sobre o BotSpot. :D

Yuri Santos disse...

MAs engraçado falar sobre isso, de como as pessoas se aproximam e ao mesmo tempo se expõe, e que as pessoas que estão distante de vc sabem mais do que os que moram com vc.

Mas cada um sabe ou pelo menos deve saber o seu limite.

Eloi Jr disse...

Tenho dito que hoje em dias as pessoas quando tiram fotos, antes do flash ser disparado elas já ficam em paranóis pensando no comentário que será postado nessa foto! Os recursos de privacidade fornecidos pelas redes sociais só limitam as pessoas que tomarão conhecimento da sua vida! Ela está exposta de qq forma! Um providencial post meu amigo!